Pernambuco registra 9 mortes em razão da chuva

Mau tempo causou prejuízos em 40 municípios, principalmente em Recife e na Região Metropolitana; 3.939 pessoas estão desabrigadas e 5.573 estão desalojadas em todo Estado

Priscila Trindade, do estadão.com.br

18 de junho de 2010 | 20h14

SÃO PAULO - A chuva que atinge Pernambuco desde quinta-feira, 17, já matou 9 pessoas, segundo informou nesta noite a Defesa Civil estadual.

 

O mau tempo causou prejuízos em 40 municípios, principalmente, em Recife e na Região Metropolitana. Os dados mais recentes sobre os estragos da chuva mostram que 3.939 pessoas estão desabrigadas e 5.573 estão desalojadas no Estado.

 

Entre as vítimas fatais estão cinco pessoas da mesma família. A casa onde eles estavam foi atingida por um deslizamento de terra no Córrego do Sargento, no bairro de Linha do Tiro, na zona norte de Recife. Dois adultos e três crianças que estavam no local morreram enquanto dormiam.

 

Por volta das 15 horas de hoje, o Corpo de Bombeiros de Recife localizou o corpo do bebê de aproximadamente nove meses que estava soterrado desde ontem, após um deslizamento no Córrego do Curió, em Dois Unidos, na zona norte de Recife.

 

A corporação informou que ainda busca um rapaz de 19 anos que desapareceu após cair em um rio em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana.

 

Em razão das consequências da chuva, a Prefeitura decretou ontem Estado de Alerta Máximo no Recife. Com isso, todas as secretarias e órgãos vinculados às ações do órgão passam a ter como prioridade máxima atender ocorrências decorrentes das chuvas. Até o momento, 255 pessoas estão desalojadas em Recife.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.