Pérola Negra leva para a avenida a história de Jaguariúna

Desfile representará a trajetória de Jaguariúna, apelidada de "Estrela da Mogiana" desde a época em que a região era habitada por índios

Dennis Barbosa, SÃO PAULO

02 de fevereiro de 2008 | 14h19

SÃO PAULO - A Pérola Negra, fundada em 1973 na Vila Madalena, zona oeste da capital paulista, este ano pega carona na comemoração do 55º aniversário de emancipação da cidade de Jaguariúna, no interior de São Paulo, e apresenta a história da localidade em seu desfile.

Veja Também: O Sambódromo de São Paulo
Saiba tudo sobre as escolas do Rio de Janeiro
O Sambódromo do Rio
As fotos do 1º dia de desfile em SP
"Um dos nossos diretores falou da beleza da cidade, fomos lá conhecer e ficamos com o tema", explica o presidente da agremiação, Edilson Casal. O desfile representará a trajetória de Jaguariúna, apelidada de "Estrela da Mogiana" desde a época em que a região era habitada somente por índios, passando pela conquista pelos bandeirantes, o cultivo da cana-de-açúcar, sua substituição pelo café e a chegada dos imigrantes e da estrada de ferro.

Uma característica única da região é que, após a abolição da escravatura e a chegada de imigrantes italianos na lavoura, os negros, ao contrário do que aconteceu em outras partes do País, não abandonaram a agricultura, passando a receber salários por seu trabalho.

Segundo pesquisa do carnavalesco Delmo de Moraes, eles chegaram a acumular riquezas e a possuir pequenas propriedades, vendidas com o passar dos anos. Outro elemento importante da história da cidade é a ferrovia, trazida pela Companhia Mogiana de Estradas de Ferro. A Maria Fumaça ainda hoje circula com turistas aos finais de semana nas antigas estações situadas ao longo do trajeto Jaguariúna - Campinas.

O samba-enredo "A Onça Vai Beber Água - Jaguariúna, Desenvolvimento e Qualidade de Vida nos Trilhos do Tempo" é de autoria de Rogério Morgado, Renne das Lentes, Reinaldo Pajé, Marcelo Papo Doce e Marco Aurélio, e será interpretado por Douglas Aguiar, o Douglinhas. Jaguariúna em tupi-guarani significa "rio da onça preta" - daí a inspiração para o título do samba.

O desfile, que terá cerca de 3.400 foliões, conta com apoio financeiro de empresas da região da cidade situada a 113 quilômetros da capital, e está orçado em mais de R$ 1 milhão, segundo Casal. Entre as celebridades que sairão pela escola estão os atores Rodrigo Veronese, Adriana Alves, Leona Cavalli e Lúcia Veríssimo, além da dupla Chitãozinho e Xororó.

A presença dos sertanejos reforça a homenagem ao rodeio de Jaguariúna, um dos maiores do País. Realizada há duas décadas, a festa faz parte do circuito nacional de rodeios e tornou a cidade conhecida como "a capital do cavalo". "O carro que representa o rodeio vai surpreender, mas ainda não posso adiantar detalhes a respeito", anuncia Casal. A agremiação, que ficou em 11º lugar no carnaval do ano passado, briga para conquistar seu primeiro título no Grupo Especial. Ela será a quarta escola a entrar na avenida nesta noite logo após a X9 Paulistana (o horário previsto é 1h45). Confira o samba-enredo da Pérola Negra:A Onça Vai Beber Água - Jaguariúna, Desenvolvimento e Qualidade de Vida nos Trilhos do TempoMinha Vila MadalenaFazendo um poema, pra te conquistarNas garras da onça, a Pérola NegraVai viajarUma "Estrela" a me guiarPra desvendar, os caminhos do sertãoSeu nome na história, o índio deixouE o bandeirante se encantouA mão do negro...Conduzindo o progresso do BrasilDo ciclo da cana ao caféNos trilhos do tempo; a imigração surgiuCidade encantada, divina criaçãoJaguariúna é inspiraçãoO Sol a brilhar ! Clareia !Um azul no céu ! E a luz das estrelasO aroma do campo que paira no arTem "doce sabor" para o seu paladarNas festas tem amor e devoçãoNo circuito das águasA alma em purificaçãoE na Maria FumaçaA história se passa, a evoluçãoTem festa de rodeio, pra tocar seu coraçãoSegura peão ! Hoje faz parte do cenário nacionalVirou pólo industrialMantendo a preservaçãoSempre com fé e trabalhoPara o futuro da nação!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.