Perseguição e tiroteio em SP

Bandidos clonaram carro da PF para assaltar empresário

José Dacauaziliquá, O Estadao de S.Paulo

26 Fevereiro 2009 | 00h00

Uma quadrilha usou uma viatura clonada da Polícia Federal (PF) para assaltar, ontem à tarde, no Itaim-Bibi, zona sul da capital, um argentino proprietário de uma rede de casas noturnas. Os criminosos, armados de fuzis e pistolas, simularam uma blitz e renderam os sete PMs que faziam a segurança particular do empresário. Houve perseguição e tiroteio com a polícia. Os bandidos, para fugir, roubaram pelo menos quatro carros. Apesar da troca de tiros, ninguém saiu ferido. Dois assaltantes foram presos e 10 suspeitos detidos. Os criminosos esperavam realizar um assalto milionário. Mas não encontraram o dinheiro, apenas uma sacola com poucas notas. O valor levado pelos bandidos não foi divulgado. De acordo com a polícia, o crime aconteceu por volta das 12h30, quando a picape Nissan Frontier do empresário, que voltava de Maresias, no litoral norte, foi parada pela falsa viatura da Polícia Federal. "Na estrada, havia a suspeita de que um motoqueiro seguia a picape do empresário", disse o tenente Aurimar Cardoso Cunha, do 7º Batalhão. Os criminosos vestiam coletes e camisetas com inscrições da PF - um deles usava até uma peruca - e disseram que a vítima estava sendo investigada por evasão de divisas. Ao se aproximar, os bandidos falaram que se tratava de um assalto e renderam os PMs, que estavam à paisana. Os criminosos pegaram sete pistolas dos policiais e levaram a vítima, que foi abandonada na Radial Leste. Uma testemunha viu e ligou para a polícia, que começou a perseguição. O primeiro confronto se deu na Rua Wandenkolk, na Mooca. "Ao ver o carro, virei a viatura para bloquear a rua. Um dos bandidos desceu com uma mini-Uzi (metralhadora) e deu uma rajada", disse o cabo Lira, do 45º Batalhão. Outros quatro bandidos desceram do veículo atirando. Instantes depois passou a viatura falsa da PF e os criminosos abriram fogo. Durante a fuga, os bandidos roubaram carros. A viatura clonada foi abandonada na Rua Sapucaia. Os assaltantes roubaram mais dois carros e fugiram. E dois comparsas foram presos dentro de uma loja.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.