Perueiro assassinado na zona leste de SP

A disputa por linhas de lotação mais rentáveis pode ter sido o motivo do assassinato do motorista João Pedro dos Santos, de 53 anos, na noite desta sexta-feira, quando trafegava com sua van pela Rua Henrique Mazzauti, no Jardim Sapopemba, na Zona Leste da capital paulista. O cobrador, um adolescente de prenome Marcelo, de quinze anos, foi baleado no pescoço e está internado no Hospital Geral de São Mateus.João dirigia a perua Fiat Ducato de placas DAN-9451, que fazia a linha São Mateus-Vila Carrão. Segundo testemunhas ouvidas por policiais do 69º DP - Cohab Senador Teotônio Vilela, naquele momento, só estavam no veículo o cobrador e o motorista que, após ser atingido no ombro, perdeu o controle da direção. A van chocou-se contra uma árvore, ficando com a frente bastante danificada.Apesar do ferimento no ombro do motorista indicar que foi um disparo a curta distância, pelos danos no veículo ao bater na árvore, a polícia acredita que, provavelmente ao ver a arma na mão do agressor, o motorista tenha dado partida no veículo, tentando acelerar para fugir. Ambas as vítimas podem ter sido atingidos pelo mesmo projétil, que, depois de ferir no pescoço o cobrador, entrou pelo ombro de João e, desviando, o atingiu no coração.O delegado Luís Antonio Rago, do 69º DP, tomou depoimento da mulher da vítima. Segundo ela, João Pedro era uma pessoa muito calma e não tinha inimigos. Por isso existe também a possibilidade de que tenha ocorrido um tentativa de assalto. Mas algumas pessoas ouvidas por policiais militares citaram a existência de um grupo que comanda a distribuição de linhas e que exige pagamento de pedágio aos motoristas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.