Perueiros vão tentar encontro com Lula

Cerca de 300 perueiros prometem partir nesta quarta-feira de São Paulo rumo a Brasília, onde vão solicitar audiência ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para pedir a volta ao trabalho.Eles integram o grupo de aproximadamente 3 mil condutores de lotação que não se filiaram a cooperativas, como determinou a Prefeitura, e por isso perderam o direito de operar no Novo Sistema de Transportes do Município.No trajeto rumo a Brasília, pretendem fazer duas paradas: uma em Ribeirão Preto e outra em Goiânia. De acordo com o presidente da Associação dos Transportadores em Autolotação do Estado de São Paulo, Leonilson Pereira da Silva, os perueiros das duas cidades, também administradas por prefeitos do PT, enfrentam problemas semelhantes e devem juntar-se à carreata.?Esperamos levar uma 700 pessoas a Brasília. Só vamos sair da frente do palácio quando conseguirmos falar com o presidente?, disse Silva. Os perueiros prometem reunir-se nesta quarta, por volta das 5 horas, em frente à Praça Campo de Bagatelle, em Santana, na zona norte de São Paulo.De lá devem seguir para as rodovias dos Bandeirantes e Anhangüera, em direção a Ribeiro Preto. A chegada a Brasília está prevista para quarta à tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.