Pescador é resgatado após dois dias em cima de árvore no Paraná

Josias Camilo da Graça se salvou da enchente do Rio Piquiri, que levou sua barca e inundou a ilha onde estava

EFE

11 de junho de 2014 | 16h35

Um homem foi resgatado nesta quarta-feira, 11, depois de passar dois dias em cima de uma árvore onde subiu para se salvar da cheia do Rio Piquiri, no Paraná. A enchente inundou a ilha em que o homem estava pescando. 

A cheia do rio, provocada pelas fortes chuvas que atingiram o Estado, surpreendeu Josias Camilo da Graça, que havia saído de um município vizinho até a ilha para pescar. 

A correnteza levou sua barca e inundou rapidamente a ilha, motivo pelo qual o pescador teve que se refugiar em cima de uma árvore, onde esperou por ajuda. Graça foi resgatado dois dias depois sem ferimentos graves. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.