Pescador volta ao mar à procura dos amigos que naufragaram

O pescador Jucélio da Costa voltou ao mar, na manhã desta sexta-feira, em busca dos outros quatro tripulantes que continuam desaparecidos depois do naufrágio do barco em que navegavam na quarta-feira em Cananéia, litoral sul de São Paulo. Depois de nadar 30 quilômetros durante cerca de 16 horas até a praia de Ilha Cumprida, o pescador, que chegou ao hospital com hipotermia, ajuda os bombeiros a encontrar os outros quatro tripulantes que, segundo ele, usavam bóias e salva-vidas.O barco naufragou quando atendia o alerta da Defesa Civil na região, feito na noite desta quarta-feira, que recomendou a retirada das embarcações do mar por causa da proximidade de um ciclone extratropical. De acordo com a Defesa Civil do Estado de São Paulo, que coordena as operações no litoral paulista, os ventos atingiram 60 km por hora no mar na noite de quarta-feira. Uma equipe de 25 homens trabalha nas buscas, que estão sendo realizadas entre as praias de Peruíbe e Ilha Comprida. Aoperação conta com o apoio de dois helicópteros da Força Aérea Brasileira (FAB).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.