PF apreende 700 quilos de maconha no Sul de MG

A Polícia Federal (PF) apreendeu na madrugada desta terça-feira, 26, cerca de 700 quilos de maconha na rodovia MG-459, nas proximidades da cidade de Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas Gerais. De acordo com a delegacia da PF em Varginha (MG), droga estava escondida em um caminhão-tanque com placas da cidade de Cascavel, no Paraná. Duas pessoas foram presas. Foi a maior apreensão feita pela PF em Minas Gerais este ano.A PF divulgou apenas as iniciais de seus nomes. O motorista J.R.E, de 48 anos, que mora em Poços de Caldas, e o acompanhante, R.O.B, 41, natural do Rio de Janeiro, foram autuados em flagrante por tráfico de entorpecentes. A pena prevista para o crime varia de três a 15 anos de reclusão. Eles prestaram depoimento em Varginha, onde permanecerão presos.De acordo com a polícia, o carregamento da droga teria partido da região de divisa dos estados de Minas e São Paulo, com destino à capital fluminense. A maconha estava prensada em tabletes e acondicionada em sacos de 45 quilos, em média.A maneira como a droga foi acondicionada chamou a atenção dos policiais federais. Conforme a corporação, na parte da frente do tanque do caminhão foi adaptada uma tampa, com sofisticado mecanismo de abertura e cujos parafusos estavam escondidos por extintores de incêndio. Dois terços do espaço do volume do tanque - com capacidade para 30 mil litros de combustível - eram destinados ao transporte da droga. Para despistar a fiscalização, na parte traseira do tanque, havia óleo combustível.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.