PF apreende 92 kg de pasta de cocaína

A Polícia Federal apreendeu ontem à noite, no bairro rural de Engenheiro Taveira, em Araçatuba, 92 quilos de pasta de cocaína, uma submetralhadora 9 milímetros e uma pistola do mesmo calibre, armas de uso exclusivo das Forças Armadas. Segundo a PF, a pasta de cocaína está avaliada em R$ 1,3 milhão e renderia quase 300 quilos depois de misturada com outros produtos. A droga estava embalada em sacos de náilon com a inscrição "Santa Cruz - Bolívia" no porta-malas de um veículo Fiesta, dirigido por Agnaldo Fernando de Oliveira, 32 anos, que foi autuado em flagrante por tráfico internacional de cocaína e permanece preso. Hoje de manhã, ele tentou fugir da cela do plantão policial de Araçatuba, mas foi recapturado. A PF informou que vinha acompanhando os passos de Oliveira há 15 dias, quando a corporação começou a receber denúncias anônimas de que o acusado receberia cocaína da Bolívia trazida por avião e seria jogada na zona rural. O delegado da PF em Araçatuba, Amaro Vieira Ferreira, acredita que a maior parte da cocaína seria enviada para São Paulo e Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.