PF apreende caminhão dos Correios com 2 t de maconha

O motorista da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) Daniel Tojeiro Esteves, de 27 anos, foi preso em flagrante esta madrugada com duas toneladas de maconha na Via Dutra, altura de Piraí. A droga estava escondida em caixas dos Correios e era transportada no caminhão da empresa responsável pela entrega de Sedex. A Polícia Federal prendeu Esteves, que vinha do Paraguai, depois que ele bateu com o veículo, perdeu o controle e saiu da pista. Outros dois homens que chegavam para resgatar a droga também foram presos. Os policiais disseram que investigavam Esteves há cinco meses a pedido dos Correios.Outros cinco caminhões podem ter sido usados no esquema. A polícia investiga ainda outro motorista da ECT. Esteves receberia R$ 10 mil pelo transporte da maconha, que seria distribuída no Morro do Turano e em Niterói, Grande Rio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.