PF apreende passaportes de gerentes de banco suíço em SP

A Polícia Federal apreendeu os passaportes de seis gerentes do banco suíço Credit Suisse em São Paulo, como parte da Operação Suíça, que investiga, desde dezembro de 2005, se o banco cometeu os crimes de evasão de divisas, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Há suspeita de que o banco tenha realizado operações ilegais no Brasil, fazendo remessas ao exterior de grandes somas de dinheiro de origem suspeita. Todos os gerentes estão impedidos de deixar o país sem consentimento prévio da Justiça. Na quarta-feira, 22, a PF prendeu o gerente internacional para negócios do Brasil do Crédit Suisse, Peter Schaffner, de 50 anos, quando tentava embarcar para o exterior no Aeroporto Internacional de São Paulo. Existe a suspeita de que ele tenha tentado fugir do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.