PF apreende pornografia infantil em Minas

Uma equipe da Polícia Federal prendeu hoje em Cambuí, Sul de Minas, o auxiliar de escritório Valdecir Rodrigues, acusado de divulgar imagens pornográficas de crianças pela Internet. Segundo o delegado da PF Gilmar Dias, o suspeito foi localizado graças à Operação Limpeza na Rede, que investiga a pornografia infantil na Internet a partir de 21 países. As informações sobre Valdecir foram passadas à PF pela polícia de Nova Jersey, nos Estados Unidos.Com um mandado judicial, os policiais entraram na casa de Valdecir e encontraram um computador e dezenas de CD-ROMs, disquetes e fitas de vídeo com cenas de menores nus e mantendo relações sexuais. O auxiliar admitiu que navegava pela rede mundial de computadores, mas negou que divulgasse o material pornográfico.O delegado Dias informou que um exame pericial poderá dizer se as fotos e clipes são simplesmente copiados ou se foram realizados pelo próprio suspeito. "Mas o material apreendido na casa caracteriza a prática de crime", disse. Valdecir pode ser enquadrado no artigo 241 do Estatuto da Criança e do Adolescente, que trata da pornografia infantil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.