PF apreendeu 182 quilos de cocaína em Cumbica em três meses

Mais de 180 quilos de cocaína foram apreendidos no primeiro trimestre deste ano, no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos, segundo levantamento das operações feitas pela Polícia Federal (PF) divulgado hoje.Entre os dias 1º de janeiro e 30 de março, foram detidas 47 pessoas, entre brasileiros e estrangeiros, a maioria com destino à Europa. Amsterdã, Madri e Lisboa apareceram como destinos freqüentes dos traficantes. Além dos 182 quilos de cocaína, a Polícia Federal (PF) também apreendeu cerca de US$ 55 mil e aproximadamente 5 mil euros, além de diversas moedas de outros países.Cocaína no creme dentalPoliciais do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc) apreenderam seis quilos de cocaína, escondidos em tubos de creme dental e lençóis com o sul-africano David Gregory Lewis, de 50 anos, na noite de domingo, 9. Lewis foi detido quando se dirigia de táxi do hotel onde estava hospedado, no bairro do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, para o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos, onde iria embarcar com a droga para África do Sul. Os investigadores localizaram o táxi na Rodovia Hélio Smith, a caminho do Aeroporto de Cumbica e revistaram a bagagem. Nas malas, os policiais encontraram 20 tubos intactos de creme dental, onde a droga estava escondida. Parte do entorpecente também foi encontrada no meio de lençóis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.