PF cobra mais participação do governo do Rio na força-tarefa

O Superintendente da Polícia Federal no Rio, Marcelo Itagiba, cobrou nesta segunda-feira mais participação do governo do Estado na força-tarefa criada para combater o crime organizado no Rio. Segundo ele, a secretaria da Segurança Pública "tem condições de fazer um trabalho melhor". O secretário Roberto Aguiar reagiu, dizendo que nenhuma ação, até hoje, foi feita pela PF sem a participação da Polícia Militar ou da Polícia Civil. "Peço ao meu amigo Itagiba que aponte uma ação que tenha sido feita sem a nossa colaboração."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.