PF desmantela quadrilha internacional em Porto Alegre

Uma operação conjunta da Polícia Federal brasileira com a polícia australiana desmantelou uma quadrilha internacional de tráfico de cocaína. A investigação durou nove meses e só foi revelada hoje, um dia depois da prisão de quatro pessoas na Austrália, quatro no Brasil e uma na Indonésia. A droga era escondida em equipamentos de informática remetidos de Porto Alegre para a Indonésia, onde era novamente camuflada dentro de estátuas que seguiam de navio para a Austrália.O delegado Leonardo Coimbra contou que, após a descoberta do esquema, a polícia monitorou um novo carregamento, de 18 quilos, para obter a prova material e poder formalizar a acusação contra os traficantes. O ponto de partida da droga ainda não é conhecido, mas os agentes federais acreditam que seja a Colômbia.Segundo a polícia, o gaúcho Francisco Hansen, que na Austrália usa o nome de Francis Burns, coordenava a distribuição da cocaína. Além dele, foram presos dois homens e uma mulher que cuidavam do envio da droga em Porto Alegre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.