PF diz que não há previsão para nomalizar emissões de passaportes

A falha surgiu durante a migração de sistemas para novos equipamentos

Julia Baptista, do estadão.com.br,

29 Setembro 2010 | 10h22

SÃO PAULO - A Polícia Federal informou na manhã desta quarta-feira, 29, que não há previsão para normalizar o serviço de emissão de passaportes. Em nota, a PF disse que "está trabalhando ininterruptamente para solucionar com a urgência necessária a instabilidade do sistema de agendamento e emissão de passaportes". A falha surgiu durante a migração de sistemas para novos equipamentos, que, segundo a PF, tem como objetivo a modernização do parque tecnológico.

 

"Todas as unidades foram orientadas a não interromperem o atendimento ao público, fazendo a conferência e coleta de dados dos requerentes em um módulo manual e a emitir passaportes de emergência, nos casos que se aplicarem a regra. A entrega dos passaportes será feita em casos de situações emergenciais e viagens iminentes comprovadas", diz a nota.

Mais conteúdo sobre:
Polícia Federal passaportes pane

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.