PF do Rio apreende 200 kg de cocaína que seria enviada à Itália

Droga estava em container no Porto de Sepetiba; por enquanto, três pessoas foram presas

Marcelo Auler, O Estado de S.Paulo

21 Outubro 2010 | 15h10

RIO - A Polícia Federal aprendeu nesta quinta-feira, 21, no Porto de Sepetiba, em Itaguaí, Região Metropolitana do Rio, cerca de 230 quilos de cocaína em tabletes, escondidos debaixo da terra de vasos com plantas que, dentro de um container, seriam embarcados para a Itália.

 

A droga foi levada em um caminhão com placa de Santo André (SP) até uma chácara no bairro de Guaratiba, no município do Rio, vizinho a Itaguaí. Junto com ela, a polícia prendeu três pessoas cujas identidades estão sendo mantidas em segredo. Além do motorista do caminhão, os outros dois presos seriam os proprietários da cocaína.

 

Na apreensão, os agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Superintendência do Departamento de Polícia Federal do Rio contaram cerca de 230 pacotes de drogas apreendidos. Segundo o delegado João Luiz Caetano de Araujo, os pacotes serão pesados na sede da superintendência, mas calcula-se que cada um deles tenha cerca de um quilo, o que leva a polícia a falar em 230 quilos.

 

Atualizado às 19h26 para acréscimo de informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.