PF faz ação contra bando do braço direito de Beira Mar em 7 Estados

Criminosos compravam a droga na Bolívia e a enviavam para o Brasil em aeronaves de pequeno porte

Priscila Trindade, Central de Notícias

05 de maio de 2011 | 11h21

SÃO PAULO - A Polícia Federal (PF) em Goiás cumpriu 12 dos 18 mandos de prisão, na manhã desta quinta-feira, 5, da Operação Casa Nova III, contra uma quadrilha de tráfico de drogas chefiada por Leomar Oliveira Barbosa, ex-braço direito do traficante Fernando Beira Mar. A ação foi realizada nos Estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Goiás, onde a droga era distribuída, além de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins. Não há informações sobre o número de detidos.

 

A investigação, iniciada há 10 meses, apontou que a quadrilha comprava cocaína na Bolívia com traficantes daquele país e, depois, o entorpecente era enviado ao Brasil em aeronaves de pequeno porte.

 

A estrutura da quadrilha era hierarquizada, sendo que cada integrante cumpria um papel específico. Todos se reportavam a Leomar, que centralizava as informações e coordenava a atuação dos demais membros. As ordens eram passadas por meio de ligações telefônicas e por recados transmitidos a pessoas que visitavam Leomar na Penitenciária Odenir Guimarães.

 

A PF, em ações anteriores, conseguiu apreender mais de 200 kg de cocaína da quadrilha, além de veículos, aviões e dinheiro.

 

Notícia atualizada às 11h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.