PF inicia nova operação contra rádios piratas

A Polícia Federal iniciou na manhã desta sexta-feira a Operação Corsário 2, com o objetivo de fechar as rádios piratas da Grande São Paulo. Até o momento, foram expedidos 20 mandados de busca e apreensão.A equipe que participa da operação é composta por 60 policiais federais e 13 agentes de fiscalização. Além de encontrar e fechar as rádios, eles também pretendem conscientizar a população sobre os problemas causados pelos veículos ilegais, que prejudicam a recepção do sinal de emissoras autorizadas e podem causar interferência em aeronaves e trens. Na primeira fase da operação, realizada em 18 de outubro, 26 rádios clandestinas foram fechadas. De acordo com o delegado Marcelo Previtali, em uma delas, foi apreendido um transmissor de 10.000 watts de potência, com peso aproximado de 300 quilos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.