PF investiga atos secretos da Assembleia

PF investiga atos secretos da Assembleia

PARANÁ

, O Estadao de S.Paulo

25 de março de 2010 | 00h00

A Polícia Federal abriu inquérito para apurar as denúncias de que a Assembleia Legislativa do Paraná recorria a atos secretos para nomear servidores fantasmas. As denúncias indicam que algumas pessoas tiveram documentos utilizados para abrir contas correntes, onde teriam sido depositados altos valores, sem que trabalhassem na Assembleia e nem sequer soubessem da existência das contas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.