PF ouve controladores sobre acidente da Gol

Os delegados da Polícia Federal de Mato Grosso, Renato Sayão e Ramon Almeida, estão em Manaus nesta terça-feira, 13, para ouvir os depoimentos dos controladores de vôo e dos supervisores que trabalhavam no Cindacta-4 (centro de controle aéreo da capital do Amazonas) quando o Boeing da Gol foi atingido pelo jato Legacy, no dia 29 de setembro de 2006. Segundo a Polícia Federal, esta é a última etapa de interrogatórios do inquérito que apura as causas do acidente. Nesta segunda-feira, alguns envolvidos foram ouvidos pelos delegados, mas ainda não há a confirmação de quantos teriam sido interrogados. Já foram ouvidos os controladores de São José dos Campos, de onde saiu o Legacy, e os controladores do Cindacta-1, em Brasília.

Agencia Estado,

13 Fevereiro 2007 | 11h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.