PF prende 15 por tráfico internacional de seres humanos

Detidos responderão também pelos crimes de favorecimento à prostituição e de formação de quadrilha

Central de Notícias,

31 Julho 2009 | 15h13

A Polícia Federal prendeu 15 pessoas nesta sexta-feira, 31, que trabalhavam com o tráfico internacional de seres humanos. Na ação, chamada de Operação Harém, também foram expedidos 10 mandados de busca e apreensão, para as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Las Vegas, nos Estados Unidos, Paris, na França, e Santo Domingo/Punta Cana, na República Dominicana.

 

Segundo a assessoria da PF, as investigações começaram no Espírito Santo quando um esquema de envio de brasileiras ao exterior, com a finalidade de serem exploradas sexualmente pelo mercado de prostituição de alto luxo, foi descoberto. Muitas dessas mulheres saiam do Brasil para Las Vegas trabalhar em cassinos de grande porte.

 

A Polícia Federal contou com a colaboração da Agência de Imigração Americana (ICE), da Defense Security Service, Interpol, policiais da República Dominicana e dos Estados Unidos, participaram das investigações.

 

Os detidos responderão pelos crimes de favorecimento à prostituição, rufianismo, tráfico internacional de pessoas para fins de prostituição, além do delito de quadrilha ou bando.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.