PF prende 23 em operação contra falsos policiais federais

Ao todo, agentes cumprem 27 mandados de prisão em São Paulo, Rio de Janeiro, Sergipe e Santa Catarina

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

07 de dezembro de 2007 | 10h06

Pelo menos 23 pessoas foram presas na manhã desta sexta-feira, 7, durante a Operação Repique da Polícia Federal, que visa prender uma quadrilha que se fazia passar por policiais federais para extorquir empresários. A operação conta com 300 agentes da PF, que cumprem 27 mandados de prisão e 64 de busca e apreensão em São Paulo, Rio de Janeiro, Sergipe e Santa Catarina.  PF prende 15 que lucravam R$ 15 mi por ano com o jogo ilegal Em São Paulo, além da capital, as buscas são feitas em Hortolândia, Santos e Avaré. Nos demais Estados a ação desenvolve-se nas respectivas capitais. As investigações, iniciadas há cerca de sete meses, apuraram que somente nos últimos quatro meses, foram identificados movimentações de depósitos cujos valores superam R$ 700 mil nas contas bancárias dos envolvido. Texto alterado às 11h38 para acréscimo de informações. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.