PF prende 34 por tráfico de drogas em quatro Estados

Mandados foram cumpridos em cidades do Rio Grande do Sul, Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

29 de setembro de 2008 | 09h33

Trinta e quatro pessoas foram presas na manhã desta segunda-feira, 29, por suspeita de fazer parte de quadrilhas de tráfico de drogas. A Polícia Federal (PF) cumpriu os mandados de prisão e 30 de busca e apreensão nas cidades gaúchas de Porto Alegre, Alvorada, Gravataí, Canoas, Taquara, Tramandaí, Tenente Portela e Garruchos e em Corumbá (MS), Foz do Iguaçu (PR) e São Paulo. Foram recolhidos carros, armas e dinheiro. Além de 160 agentes da PF, participaram da operação, intitulada Poeta, 50 policiais militares.   Em Foz do Iguaçu, a PF cumpriu quatro mandados de busca e apreensão e quatro de prisão. Foram presos três homens e uma mulher e apreendidos três carros, uma moto, um caminhão, computadores, celulares, uma pequena quantidade de maconha, uma arma de uso, munições e R$ 33,5 mil.   O caso era investigado desde fevereiro deste ano. Pouco depois do início das apurações, um traficante conhecido como João Cabeludo, suposto líder da maior quadrilha da capital gaúcha, foi assassinado. A partir daí, a esposa dele teria assumido o comando da quadrilha. Segundo a PF, com o tempo, descobriu-se a "existência de diversos grupos atuantes no narcotráfico com elos entre si".   Durante os trabalhos, houve a prisão de 14 pessoas e a apreensão de 6 carros e cerca de 155 quilos de cocaína. A PF diz ter identificado 38 suspeitos vinculados às apreensões, entre eles fornecedores, mulas, patrões, gerentes, vaposeiros e facilitadores, inclusive com a participação de um advogado. Os presos deverão responder por tráfico de drogas e associação para o tráfico.   (Com Agência Brasil)   Atualizado às 19 horas para acréscimo de informações

Tudo o que sabemos sobre:
tráfico de drogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.