PF prende 35 acusados de envolvimento com tráfico

O delegado César Gaspar, da delegacia da Polícia Federal em Volta Redonda, informou que 35 pessoas já foram presas pela Operação Xeque-Mate, deflagrada no início desta manhã para desarticular uma das principais quadrilhas de traficantes de drogas do Sul Fluminense. Segundo o delegado, os presos fazem parte da quadrilha comandada por Anízio Rodrigues de Melo, conhecido como Rei, que comandava o tráfico nas favelas de Volta Redonda. Ele foi preso em janeiro em São José dos Campos, interior de São Paulo. As investigações mostraram que a quadrilha comercializava drogas recebidas de traficantes de São Paulo, ligadas à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Duas pessoas acusadas de envolvimento com a quadrilha foram presas na capital paulista. Estima-se que a quadrilha tenha movimentado mais de R$ 1,5 milhão com a venda de cocaína no Sul do Estado do Rio. Além de Volta Redonda, foram cumpridos mandados de prisão e busca e apreensão nas cidades vizinhas de Pinheiral e Barra Mansa e também em Japeri, na região metropolitana. Alteração: Este texto foi alterado às 16h27, com acréscimo e correção de informações. O título foi modificado e os parágrafos foram reestruturados

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.