PF prende 35 por tráfico de drogas em cinco Estados

Operação tem como objetivo desarticular quadrilha que atua na fronteira com Paraguai, Bolívia e Colômbia

Solange Spigliatti, Central de Notícias

28 de outubro de 2009 | 09h02

Pelo menos 35 pessoas já foram presas nesta quarta-feira, 28, durante operação da Polícia Federal (PF), acusadas de envolvimento com tráfico internacional de drogas. A Operação Triângulo tem como objetivo desarticular uma quadrilha de narcotraficantes internacionais que atua nos Estados de Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Bahia. Cerca de 210 agentes participam das prisões e apreensões.

Veja também:

linkEm PE, 48 acusados de integrar quadrilha de tráfico são presos

A corporação cumpre 44 mandados de prisão temporária e 40 de busca e apreensão em Uberlândia, Ituiutaba, Araguari, Belo Horizonte, Montes Claros, Vazante e Unaí, em Minas Gerais; Goiânia, Caldas Novas e Anápolis, em Goiás; Tangará da Serra e Cáceres, no Mato Grosso; Campo Grande e Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul; e na capital baiana, Salvador.

De acordo com a PF, o grupo é especializado na aquisição de cocaína e atuava na fronteira do Brasil com Paraguai, Bolívia e Colômbia para abastecer os traficantes dos cinco Estados. No decorrer das investigações, que se iniciaram em dezembro do ano passado, em razão de uma prisão feita pela PF de Uberlândia, foram apreendidos 89 quilos de cocaína e 20 quilos de maconha, além de automóveis de luxo.

Tudo o que sabemos sobre:
crimetráfico de drogasoperaçãoPFMG

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.