PF prende 62 suspeitos de envolvimento com o tráfico

Prisões são resultado das operações Pérola e Triângulo, que acontecem simultaneamente em nove Estados

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

28 de outubro de 2009 | 15h13

Pelo menos 62 suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas foram presos nesta quarta-feira, 28, em duas operações da Polícia Federal (PF) que acontecem simultaneamente em nove Estados - Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Tocantins, São Paulo, Pará e Ceará - e no Distrito Federal. 

 

Veja também:

linkEm PE, 48 acusados de integrar quadrilha de tráfico são presos

linkCNJ propõe mudar regime aberto por prisão domiciliar

 

Na Operação Pérola, que foi deflagrada após um ano de investigações, os agentes interceptaram telefonemas e identificaram uma quadrilha internacional seria comandada por um presidiário do Complexo Prisional de Goiás. Outras prisões ocorreram na Bahia, Pará, Ceará, Tocantins e Mato Grosso. No total, 25 suspeitos foram detidos.

 

Na outra operação, nomeada Triângulo, 37 pessoas foram presas. A ação tem o objetivo de desarticular uma quadrilha de narcotraficantes que atua nos Estados de Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e na Bahia.

 

Segundo a PF, o grupo especializado na compra de cocaína atuava na fronteira do Brasil com Paraguai, Bolívia e Colômbia para abastecer os traficantes dos cinco Estados. Carros de luxo, mais de R$ 100 mil em dinheiro e R$ 500 mil em cheque foram apreendidos na operação.

 

Texto atualizado às 18h45.

Tudo o que sabemos sobre:
tráficoPF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.