PF prende envolvidos em tráfico de drogas comandado por detentos

Operação realizada em SP, BA e MS visa desarticular uma quadrilha organizada também em receptação e adulteração de veículo

Solange Spigliatti, do estadão.com.br,

02 de dezembro de 2011 | 10h11

SÃO PAULO - Catorze mandados de prisão foram cumpridos na manhã desta sexta-feira, 2, em Salvador e nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, durante a operação Perda Total, da Polícia Federal. Segundo a PF, algumas pessoas já estavam presas e são acusadas de comandar o tráfico de drogas de dentro dos presídios.

A operação visa desarticular uma quadrilha organizada para o tráfico interestadual de drogas, roubo, receptação e adulteração de veículo e serão cumpridos 16 mandados de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão, nas cidades de Salvador, na Bahia, Ponta Porã, no mato Grosso do Sul, e Piracicaba, interior de São Paulo.

Entre os presos se encontram "assaltantes", "traficantes", receptadores e falsificadores de documentos públicos. A maioria dos presos já possui antecedentes criminais, sendo que os lideres se encontram custodiados no Sistema Prisional da Capital de onde comandavam as suas ações da quadrilha.

Durante as investigações, foram realizados vários flagrantes com a apreensão de mais de 200 quilos de drogas e veículos roubados/furtados adulterados nas suas características.

Segundo a PF, a quadrilha roubava carros na capital baiana, que eram clonados através da adulteração dos chassis e dos documentos com uso de dados de outros veículos regulares. Em seguida, os veículos eram encaminhados para traficantes de outros Estados como forma de pagamento de drogas, e em contrapartida aqueles remetiam carregamentos de drogas que abasteciam a Capital Baiana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.