PF prende quadrilha de traficantes no Triângulo Mineiro

Grupo fazia uso da logística praticada pelos grandes atacadistas que atuam na região de Uberlândia

Fabiana Marchezi, do estadao.com.br,

17 de dezembro de 2007 | 20h40

A Polícia Federal deflagrou nesta segunda-feira, 17, a Operação Toscano com o objetivo de desmontar uma quadrilha acusada de envolvimento com o tráfico de drogas no Triângulo Mineiro. De acordo com a PF, os suspeitos compravam grandes quantidades de maconha e cocaína do Paraguai e da Bolívia e usavam a região do Triângulo Mineiro como ponto de distribuição para outras partes do Brasil. Para isso, eles faziam uso da logística praticada pelos grandes atacadistas de mercadorias lícitas que atuam principalmente na região de Uberlândia. Pelo menos dez mandados de prisão já foram cumpridos, incluindo dos dois irmãos considerados os chefes do grupo. Também foram cumpridos 21 mandados de busca e apreensão, sendo que foram apreendidos cocaína, veículos (nacionais e importados), dinheiro em espécie e vários produtos químicos utilizados no refino e preparo do cloridrato de cocaína. A PF ainda conseguiu o bloqueio de várias contas correntes e veículos junto ao Departamento de Trânsito (Detran) e fez o levantamento das várias propriedades rurais e urbanas dos suspeitos.

Tudo o que sabemos sobre:
PFTráfico de drogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.