PF prende traficantes que traficavam drogas pelos Correios

Criminoso foi abordado ao retirar pacote com 10,5 kg de maconha de uma agência; outros dois foram detidos

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

23 Julho 2009 | 13h51

Três homens foram presos em flagrante na tarde da quarta-feira, 22, em Tocantins, acusados de usar os Correios para transportar drogas. Os homens, com idade entre 25 e 30 anos, receberam uma encomenda com 10,5 quilos de maconha, vinda de Mato Grosso do Sul. Com eles também foram apreendidas pequenas quantidades de cocaína e comprimidos.

 

A Polícia Federal em operação conjunta com a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) de Palmas identificou uma encomenda suspeita, oriunda do Estado de Mato Grosso do Sul. O pacote, inspecionado no raio-x da ECT, continha substância orgânica prensada em dez tabletes e estava endereçado a um destinatário de Palmas.

 

Após receber o pacote e deixar a agência, o dono da mercadoria foi abordado e preso pelos policiais federais. Com ele foram presos dois outros homens que faziam parte do esquema.

 

Foram apreendidas também pequenas quantidades de cocaína e comprimidos em posse dos detidos. A perícia revelou que a "mercadoria" contida no pacote de 10,5 quilos era mesmo maconha, confirmando a suspeita dos servidores da ECT.

 

Após serem autuados em flagrante e submetidos a exame de corpo de delito no IML, na madrugada desta quinta-feira, 23, os presos foram encaminhados à casa de custódia local (CPP), onde permanecerão à disposição da Justiça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.