PF prende três pessoas por tráfico internacional de animais

A Polícia Federal (PF) deteve nesta quarta-feira, 25, três supostos integrantes de uma quadrilha de tráfico nacional e internacional de animais, em Guaianazes, na zona leste de São Paulo. O trio mantinha pássaros-pretos, cardeais e tartarugas em caixas de papelão. Os animais demonstravam altos níveis de estresse, segundo a PF, em razão das péssimas condições de confinamento. A ação faz parte da operação intitulada Arara Preta, desencadeada no último dia 12, quando 19 pessoas foram presas na Bahia e uma no Rio com iguanas, tartarugas, jararacas e pássaros. Os três detidos nesta quarta devem ser atuados por crime ambiental e formação de quadrilha, cuja pena varia de seis meses a quatro anos de reclusão e multa.

Agencia Estado,

25 Abril 2007 | 17h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.