PF resgata garimpeiros mortos em confronto com índios

A Polícia Federal terminou hoje à tarde o resgate dos corpos de 26 garimpeiros mortos na Semana Santa na reserva indígena Roosewelt, em Espigão do Oeste, no interior de Rondônia. Os corpos serão autopsiados em Porto velho, onde devem chegar hoje à noite. A partir de agora, a PF pretende dar início à operação de desarmamento de índios cinta-larga e garimpeiros. Segundo informações da Agência Brasil, o Sindicato dos Garimpeiros de Rondônia disse à Rádio Itapirema, em Espigão do Oeste, que podem existir mais 12 vítimas. Outros três corpos já foram resgatados na segunda-feira passada. A nova estimativa de 41 mortos no total foi feita com base na relação de garimpeiros que estavam extraindo diamante ilegalmente da reserva indígena. A existência de outras vítimas não foi confirmada pela Polícia Federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.