PF volta a colocar bicheiros na cadeia

Quatro meses depois de ganharem a liberdade, os bicheiros Ailton Guimarães Jorge, o capitão Guimarães, e Antônio Petrus Kalil, o Turcão, voltaram à cadeia. A Polícia Federal também prendeu ontem outros dois suspeitos de envolvimento com o jogo do bicho e a exploração de máquinas caça-níqueis, no Rio. Ao todo, são 18 os denunciados pela Procuradoria da República, no desdobramento da Operação Furação. Dos 23 acusados na primeira investigação, 15 aparecem na nova denúncia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.