Piloto morre em acidente aéreo em feira em Maringá

O acidente aconteceu a cerca de 100 metros do aeroporto e, segundo as equipes de resgate, o impacto do choque provocou uma cratera de até cinco metros de profundidade

Júlio Cesar Lima, Especial para o Estado

25 de setembro de 2016 | 15h09

CURITIBA - O piloto Luiz Dell Aglio, 62, morador de Ponta Grossa (105 quilômetros de Curitiba), morreu no final da tarde de sábado (24), em Maringá, no Norte do Paraná, durante acrobacias realizadas na 19ª Feira Internacional de Aviação realizada no local. O acidente aconteceu a cerca de 100 metros do aeroporto e, segundo as equipes de resgate, o impacto do choque provocou uma cratera de até cinco metros de profundidade. Por causa do acidente a Esquadrilha da Fumaça, que faria uma apresentação neste domingo, 25, cancelou o espetáculo.

Luiz Carlos era presidente do Comitê Brasileiro de Acrobacia e Competições Aéreas (CBA) e pilotava um avião modelo Extra 230.  Segundo a CBA o piloto tinha mais de 16 mil horas de voo de alta performance para as acrobacias. O acidente será investigado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), cuja equipe deve chegar em Maringá no domingo.

Em nota, a Esquadrilha da Fumaça afirmou que fará homenagem ao piloto a partir das 15h. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.