Pilotos ameaçam entrar em greve no dia 20

Se confirmada, a paralisação ocorrerá no dia em que muitas empresas entram em férias coletivas para as festas de fim de ano

Marina Gazzoni, O Estado de S.Paulo

13 Dezembro 2013 | 18h19

O Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), entidade que representa pilotos e comissários, aprovou nesta sexta-feira um indicativo de greve para o próximo dia 20. Os trabalhadores farão nova reunião na próxima quinta-feira, dia 19, para confirmar se vão interromper as atividades na sexta-feira que vem (20/12).

A indicação de greve ocorre porque as empresas e os trabalhadores não chegaram a um acordo sobre o dissídio da categoria. A proposta das empresas é de corrigir os salários pela variação do INPC, acumulado em 5,58% nos últimos 12 meses até novembro. Já os trabalhadores reivindicam um reajuste de 8%, segundo o presidente do SNA, Marcelo Ceriotti.

Se confirmada, a paralisação ocorrerá no dia em que muitas empresas entram em férias coletivas para as festas de fim de ano, uma época de alta temporada para a aviação. O sindicato diz que tentará novo acordo com as empresas até o dia 19.

Mais conteúdo sobre:
greve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.