Pimenta Neves visitou parentes em Batatais nesta semana

O jornalista Antônio Marcos Pimenta Neves, condenado pela morte da ex-namorada Sandra Gomide e considerado foragido pela Justiça, visitou parentes em Batatais, na região de Ribeirão Preto, no início desta semana. Ele ficou na cidade pelo menos três dias. "Ele deu uma passadinha rapidamente aqui, mas eu nem o vi, pois estava em Ribeirão Preto", disse Maria Helena Freiria, prima em segundo grau de Pimenta Neves, à reportagem do Estado. Seu irmão, Roberto, também não o teria visto no município. O jornalista teria chegado em Batatais na segunda-feira (11) e ido embora na quarta (13), para São Paulo, para encontrar-se com o advogado. Segundo Maria Helena, esporadicamente o jornalista visitava os parentes na cidade.Nesta sexta, a polícia procurou por Pimenta Neves em endereços de parentes dele em Batatais, buscando pistas de seu paradeiro. Mas nada encontrou. O jornalista teria se hospedado na casa da prima Maria Aparecida Freiria, de 88 anos, mãe de Maria Helena e Roberto. Porém, Maria Helena não confirma essa informação, mas apenas que ele visitou alguns parentes.Pimenta Neves teve a sua prisão decretada pelo Tribunal de Justiça (TJ), de São Paulo, na quarta-feira, data em que teria saído de Batatais. Ele é considerado foragido da Justiça desde então. O jornalista é réu confesso de morte de Sandra Gomide, também jornalista, e foi condenado a 19 anos e dois meses de prisão pelo crime, ocorrido em agosto de 2000. Ultimamente, ele estaria sem barba e mais magro que em seu julgamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.