Pistoleiros do Pará fazem 3.ª vítima em 5 dias

A polícia do Pará confirmou, ontem à tarde, o terceiro assassinato em cinco dias na região de Nova Ipixuna, no sudeste do Pará. O agricultor Erenilton Pereira dos Santos, de 25 anos, foi encontrado baleado, no final da manhã, numa área a sete quilômetros do assentamento Praialta/Piranheira. Ali perto, na terça-feira, foi morto - também a tiros - o casal de ambientalistas José Cláudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo.

Carlos Mendes, O Estado de S.Paulo

29 de maio de 2011 | 00h00

Erenilton, ao que tudo indica, morreu por ter testemunhado a morte de José Cláudio e Maria. Ele teria visto a saída dos pistoleiros em uma motocicleta vermelha que circulava pela estrada de acesso ao assentamento, logo depois de o casal ter sido baleado.

A polícia do Pará já abriu inquérito para apurar o novo crime. O secretário de Segurança Pública, Luiz Fernandes, confirmou ao Estado que a investigação já está em andamento, mas mostrou-se cauteloso: "Ainda não temos informações concretas sobre o caso", resumiu o secretário.

Discussão. Segundo as informações apuradas pelo Estado, o agricultor teria ido comprar peixe em uma localidade próxima às margens do lago de Tucuruí e teria discutido com alguns homens cuja identidade está sendo levantada pela polícia. Um deles disparou um tiro na cabeça do lavrador que morreu na hora.

Desde a manhã de ontem moradores do assentamento estavam preocupados com a demora de Erenilton dos Santos. Decidiram então sair à sua procura e acabaram localizando seu corpo próximo a uma motocicleta de sua propriedade.

Agentes e fiscais do Ibama e da Polícia Federal, que cumpriam tarefas naquela área, apareceram pouco depois e removeram o corpo de Erenilton até a cidade de Marabá, aonde foi levado para a autópsia. Um integrante da Comissão Pastoral da Terra (CPT), José Batista Afonso, disse acreditar que o agricultor tenha sido vítima dos mesmos matadores de José Cláudio e Maria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.