Pitbull ataca taxista na zona sul do Rio

O taxista Alcino Bessa Pinheiro, de 66 anos, foi atacado por um pitbull, incitado pelo seu dono, o lutador de jiu-jitsu Rodrigo Serra Cerqueira, de 21 anos, depois de uma briga no trânsito. Rodrigo foi indiciado por tentativa de homicídio. Além de dar ordem para que o cachorro atacasse, o lutador agrediu Pinheiro com uma chave de fenda, cabeçadas e socos. O desentendimento começou quando a namorada de Cerqueira forçou uma ultrapassagem ao emparelhar com o táxi na Rua Mário Ribeiro, no Leblon. Irritado, o taxista saiu do carro e começou a reclamar. Cerqueira reagiu com violência, agredindo Pinheiro. O taxista foi medicado no Hospital Miguel Couto com uma mordida de pitbull na virilha e um corte na cabeça. Um policial militar prendeu o lutador em flagrante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.