Pitbulls atacam crianças e homem em Franca, SP

Um pitbull atacou duas meninas na noite desta quinta-feira, em Santa Rita, bairro de Franca, na região de Ribeirão Preto, no interior do Estado.As crianças, de 2 e 5 anos, ficaram feridas e foram socorridas na Santa Casa da cidade e, após serem medicadas, foram liberadas e não correm mais risco.O cão foi levado para o canil municipal, e a Delegacia dos Direitos da Mulher (DDM) investiga quem era o responsável pelo animal, para ele ser indiciado por lesão corporal culposa.Outro pitbull atacou, na última terça-feira, um homem de 86 anos, no Jardim Roselândia. Ele também foi medicado na Santa Casa.CirurgiaA primeira vítima do pitbull foi Alana da Silva Lima, de 2 anos, moradora em Santo André, que estava em férias na casa de parentes em Franca. Ela atravessava a rua quando foi atacada pelo cão.Alana teve vários ferimentos no rosto e, segundo a polícia, fez uma cirurgia reparadora antes de ser liberada, na manhã desta sexta-feira.Segundo a delegada Graciela de Lourdes David Ambrosio, a menina fez exame de corpo de delito nesta sexta e depois seguiu, com a mãe, ambas traumatizadas, de volta para o ABC.ResponsávelEm seguida, o pitbull atacou, na calçada, Daniela Cristina Faria, de 5 anos. A menina teve ferimentos leves no rosto e nas nádegas e foi socorrida por vizinhos.Sua mãe foi intimada a depor na próxima segunda-feira (14). A polícia sabe que o dono do cão é Eduardo Dion Kipatrick, de 20 anos, comerciante e estudante, que teria deixado o animal aos cuidados de outra pessoa enquanto viajava."Estamos investigando se havia outro responsável, que poderá ser indiciado", diz Graciela.A polícia investiga se o responsável era um empresário, que estaria com o pitbull há cerca de 15 dias. Se for ele, Kipatrick fica livre da acusação pela ação do animal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.