PM à paisana evita assalto e prende bandido

Um policial militar à paisana, ao entrar em uma lanchonete que estava sendo assaltada, conseguiu evitar o crime, e, na troca de tiros com os bandidos, um dos assaltantes acabou baleado. O soldado da Força Tática do 2º Batalhão, Maurício Carlos Neves, estava de folga e resolveu, na noite de ontem, comprar um maço de cigarros numa lanchonete na Avenida São Miguel, situada na região de Ermelino Matarazzo, na zona Leste de São Paulo. Quando entrou no estabecelimento percebeu o assalto em andamento. O proprietário havia sido rendido por dois homens armados. O policial tentou sair da lanchonete sem ser notado, mas foi visto pelos assaltantes que o chamaram. O policial então sacou um revólver disparou contra a dupla, que também atirou. O dono da lanchonete se jogou no chão e nada sofreu. Um assaltante foi baleado e outro conseguiu fugir. O policial não foi atingido. O assaltante baleado, que estava sem documentos, foi levado por policiais militares da 6ª Companhia do 2º Batalhão para o Pronto-Socorro de Ermelino Matarazzo, onde continua internado. O caso foi registrado no 24º Distrito Policial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.