PM acusado de matar estudantes no Rio é preso

O PM acusado de matar três estudantes em uma festa no Rio de Janeiro se apresentou na 24ª Delegacia de Polícia na Piedade, prestou depoimento e foi levado preso para o 16º BPM de Olaria, onde servia. No depoimento, o PM admitiu ter atirado para o alto para responder uma agressão que sofria. Segundo ele, as mortes teriam sido causadas por outra troca de tiros na mesma festa. A polícia mantém em sigilo o nome do PM. Leia mais sobre o caso nos links abaixo

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.