PM agride parentes de reféns de Bangu 3

Parentes de reféns foram agredidos no início da tarde por policiais do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar. Eles estavam fazendo protesto desde às 11 horas, quando a rebelião no presídio Bangu 3, na zona Oeste do Rio de Janeiro, completou 72 horas de duração. Quatro pessoas estão detidas.Para ler mais sobre a rebelião em Bangu 3: » Médica acusa governo do Rio de protelar fim de rebelião » Familiares de reféns de Bangu 3 reúnem-se com secretário » Rebelião em Bangu 3 entra no quarto dia » Rebelados de Bangu 3 estariam tentando cavar um túnel » No terceiro dia da rebelião, recomeçam as negociações » Mais um refém é libertado em Bangu 3 » Rebelados de Bangu 3 liberam apenas quatro reféns » Tensão cresce em Bangu. Reféns entram em desespero. » Situação em Bangu 3 é insuportável, dizem refém, pelo celular » Retomadas as negociações em Bangu 3 » Governo do Rio suspende negociações com presos de Bangu 3 » Presos não conseguirão fugir, diz secretário » Operadoras prometem bloquear celulares na área de Bangu

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.