PM apreende 206 quilos de maconha em Votorantim

Uma equipe da Polícia Militar apreendeu 206 quilos de maconha no domingo à tarde, em Votorantim, a 100 quilômetros de São Paulo. A droga estava no carro e na chácara do comerciante João Batista Rodrigues, de 41 anos, no Bairro Karafá, zona rural do município. Rodrigues foi candidato a vereador pelo PFL nas eleições municipais de 2000, mas não conseguiu se eleger. Ele foi preso em flagrante por tráfico de entorpecentes. Três outras pessoas foram detidas.Rodrigues foi parado por policiais militares durante um patrulhamento no bairro. Ele estava dirigindo o Passat placa CYS-1204, de Salto de Pirapora. Sob o banco do veículo foram encontrados 70 cigarros de maconha. Outros 30 estavam escondidos na roupa da filha do comerciante, D.H.R., de 15 anos. O restante da droga foi encontrado durante revista à casa de Rodrigues. A maconha prensada em tijolos estava escondida em um guarda-roupa.O filho do acusado, Elton Rafael Rodrigues, de 19 anos, e o namorado da filha, G.L.F., de 15, estavam no local e foram detidos. Eles são suspeitos de participarem da distribuição da droga. Os policiais encontram também álbuns com fotos de homens nus, com nome, idade, peso e altura das pessoas fotografadas. Eram, na maioria, jovens de 16 a 20 anos. A Polícia Civil vai investigar possível envolvimento de Rodrigues no agenciamento de garotos de programa.Esta foi a quarta grande apreensão de maconha, nos últimos dois meses, na região de Sorocaba. A seqüência teve início dia 29 de julho, quando os policiais encontraram 500 quilos da droga no meio da carga de um caminhão que tombou em Votorantim. No início de agosto, foram apreendidas sete toneladas em Porangaba e, dias depois, outras cinco toneladas em São Miguel Arcanjo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.