PM apreende armas em posse de policial civil

A Polícia Militar de Monte Mor, na região noroeste do Estado de São Paulo, apreendeu sete armas de fogo e um revólver de brinquedo que estavam com o policial civil de São Paulo Jean Harrison Constâncio, nesta quarta-feira à noite.O policial civil afirmou que as armas, algumas de uso restrito, haviam sido jogadas por bandidos que fugiram em um Gol branco, com placas de Sumaré. Constâncio pagou fiança de R$ 100 e irá responder ao processo em liberdade. A ocorrência foi registrada às 19 horas na Delegacia de Monte Mor.A PM estava perseguindo um veículo suspeito, quando viu o carro do investigador, um Fiat Tempra, em frente a uma casa no bairro Chácaras Planalto. A PM decidiu averiguar. A princípio, o policial civil impediu que seu carro fosse vistoriado e exigiu a presença de um delegado no local, que foi chamado.No carro, a PM encontrou uma metralhadora e pistolas nove milímetros, de uso restrito, além de pistolas .40, .45 e revólveres 38. Constâncio tinha o registro de duas pistolas e um revólver. Ele afirmou que passava por Monte Mor quando viu um Gol branco suspeito, abordou os criminosos, que jogaram as cinco armas em uma sacola e fugiram.O policial disse que recolheu as armas e telefonou para um delegado de Sumaré, identificado como Marcelo, que confirmou o telefonema à Polícia Civil de Monte Mor. Pelo telefone, o delegado o teria orientado a levar as armas à Delegacia de Monte Mor, pouco antes da chegada da PM. A Delegacia de Monte Mor instaurou inquérito policial e encaminhou um comunicado sobre o ocorrido à Corregedoria de Polícia de Campinas.

Agencia Estado,

22 de novembro de 2002 | 18h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.