PM controla tentativa de fuga em presídio de Florianópolis, em SC

Detentos fizeram dois funcionários reféns usando um espeto de ferro

Gheisa Lessa, Estadão.com.br

02 de julho de 2012 | 15h44

SÃO PAULO - Uma tentativa de fuga em massa fez com que cerca de 66 presos fossem transferidos do Complexo Penitenciário de Florianópolis na manhã desta segunda-feira, 2. Conforme informações do diretor da prisão, Euclides da Silva, agentes penitenciários foram feitos reféns e ficaram levemente feridos. A situação foi controlada pela Polícia Militar.

O levante ocorreu por volta das 7h. Detentos do prédio E do complexo tentaram fugir, ameaçando dois funcionários com um espeto de ferro. Um terceiro agente penitenciário notou a movimentação e acionou a PM.

Os policiais resguardaram os corredores do prédio e controlaram a situação. Nenhum preso ficou ferido e os agentes feitos reféns tiveram pequenas escoriações.

O presídio conta com 332 presos e cinco galerias. Na galeria E, local da tentativa de fuga, 66 pessoas estão detidas. Elas serão transferidas para que a perícia e a restauração das celas danificadas durante o tumulto sejam realizadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.