PM do Rio fecha fábrica de balões na região dos Lagos

Denúncia anômina levou a polícia até um Galpão na cidade de Maricá, que estava vazio no momento da vistoria e ninguém foi preso; foram apreendidos também uma espingarda e armas de caça

Priscila Trindade, do estadão.com.br

30 de junho de 2010 | 16h22

SÃO PAULO - Uma fábrica de balões foi fechada na terça-feira, 29, em São José de Imbassaí, no município de Maricá, na Região dos Lagos, no Rio.

 

No local, policiais militares do Batalhão de Polícia Florestal e de Meio Ambiente (BPFMA) apreenderam 23 balões com tamanhos entre 4 e 20 metros de comprimento.

 

A fábrica estava vazia no momento da vistoria e ninguém foi preso. Apenas uma pessoa que mora ao lado do imóvel foi levada para prestar depoimento no 82º Distrito Policial, em Maricá, onde o caso foi registrado.

 

Uma denúncia anônima levou a PM até a fábrica. Além dos balões, foram apreendidas uma espingarda, quatro armas usadas para caça, um maçarico e dois quilos de pólvora.

 

O Batalhão Florestal recebe denúncias pelos números 21 2701-8262 ou 2701-0832.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.