PM é assassinado em festa de ex-namorada

O soldado da Polícia Militar Édson Carlos Rodrigues Reis, de 25 anos, foi assassinado com sete tiros de pistola, no sábado à noite, durante discussão com um homem por causa de uma namorada. Ele estava numa festa em Santa Cruz, na zona oeste. O atirador fugiu. Reis participava do aniversário da ex-namorada Tatiana Cleir da Silva, de 20 anos, com quem tinha uma filha. O autor dos disparos, identificado apenas como Alex, é namorado de Tatiana. Segundo a polícia, Alex trabalha como segurança de uma padaria. Alex e Reis discutiram antes do início da festa. Por volta das 22 horas, eles se encontraram na comemoração e houve nova briga. Descontrolado, Alex sacou a pistola e atirou. O PM, lotado no batalhão de Santa Cruz, chegou a ser socorrido por colegas, que o levaram para o Hospital Pedro II, mas ele não resistiu aos ferimentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.