AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

PM faz maior apreensão de armas da Grande BH

A Polícia Militar de Minas Gerais fez nesta quarta a maior apreensão de armas do ano na região da Grande Belo Horizonte. Militares do Batalhão Rotam encontraram um verdadeiro arsenal clandestino num endereço no bairro Lagoinha, região nordeste da capital mineira. Conforme a PM, no local foram apreendidas 134 armas, entre fuzis e escopetas, revólveres, pistolas e garruchas de vários calibres, além de vasta munição.O cabo Fernando Carlos informou que foram apreendidos ainda um morteiro de uso exclusivo do Exército Brasileiro e munição antiaérea, além de silenciadores, cartuchos vazios e pólvora.A polícia chegou ao local após uma denúncia anônima. Os policiais cumpriram mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça. A maior parte do armamento foi encontrada em três cofres, de acordo com o cabo da Rotam.A suspeita dos policiais é que o local servia como abastecimento para traficantes da região da favela Pedreira Prado Lopes, que fica próxima. "Tinha armas com etiquetas de outros estados. Era uma coisa clandestinamesmo", disse Fernando Carlos.O mecânico Maxwell Flausino, de 40 anos, que se apresentou como responsável por dois cães que vigiavam o endereço, foi detido e levado para a delegacia Seccional Leste para prestar esclarecimentos. Ele alegou que desconhecia a existência do armamento.Segundo a PM, o suspeito disse que o terreno pertence a um aposentado de 86 anos, identificado como Fábio da Gama Cerqueira Filho, que foi representado na delegacia por um advogado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.