PM mata jovem dentro da sala de plantão

O pintor de paredes Maílson Tiago da Costa, de 19 anos, foi morto à queima-roupa pelo soldado Luís Antônio Curti, de 40, na sala do Plantão Policial da 4.ª Companhia do 16.º Batalhão da PM de Santa Fé do Sul, no noroeste paulista. Segundo a PM, o rapaz teria ameaçado Curti com uma garrucha. Um Inquérito Policial Militar foi aberto para apurar o caso.

O Estadao de S.Paulo

22 Outubro 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.