PM mata motociclista durante ronda escolar

O soldado Francisco Iran Barbosa Rodrigues, de 31 anos, da 5ª Companhia do 27º Batalhão, matou com dois tiros o mecânico Ademias Moreira dos Santos, de 19, porque ele não parou sua Honda Twister em abordagem de rotina, durante ronda escolar em Marsilac, zona sul. Santos devia prestações da moto e, por isso, tentou fugir. Dezenas de crianças retornavam da escola no momento dos disparos. Houve pânico e revolta. O PM foi preso em flagrante por homicídio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.